Cine Gourmet

PAÍSES SERÃO HOMENAGEADOS NO PROJETO  CINE GOURMET VOLTA AO MUNDO

  

16 a 18 de abril de 2010 Hotel Casa da Montanha – Gramado/RS 

 O projeto que mistura turismo, cinema e gastronomia na serra gaúcha se consolida e entra para o quarto ano consecutivo com uma grande novidade. O Cine Gourmet Volta ao Mundo exibirá filmes que valorizam no roteiro histórias ambientadas em países turísticos. A primeira edição de 2010 terá como destaque a Itália, apresentada no filme “Sob o Sol da Toscana”, dirigido por Audrey Wells, e que teve Diana Lane, protagonista do longa-metragem, indicada ao Globo de Melhor Atriz Comédia Musical. O evento, que acontece de 16 a 18 de abril, no Hotel Casa da Montanha, em Gramado, mantém a parceria com a Associação da Boa Lembrança. O chef Bruno Marasco, do Restaurante Da Carmine, em Niterói (Rio de Janeiro), será o responsável pelo jantar temático da noite. A performance de artistas e a decoração inspirada no longa será mantida neste ano.

 Cine Gourmet

O projeto está entrando no seu quarto ano. De lá pra cá, muita coisa mudou. Na primeira edição, chefes renomados criavam uma refeição completa, da entrada à sobremesa, inspirada num filme escolhido especialmente para a ocasião. Obras referenciais da sétima arte proporcionam um tempero único a cada novo encontro. Em 2008, a tarefa de cozinhar um filme ficou com chefes de renomados de restaurantes da Associação da Boa Lembrança. Em 2009, a novidade ficou por conta dos filmes. As produções escolhidas para o ano passado foram todas musicais da Broadway. Continue lendo

Quer ficar ligadão?

Beba café. Você ganha agilidade, afasta doenças, ultrapassa seus limites e vive com mais energia

Teste rápido de conhecimento sobre a cafeína: a substância aumenta os batimentos cardíacos? Eleva a pressão arterial? Aumenta o pique antes da atividade física? Enfim, tomar café faz bem ou faz mal? Se você escaneou os conhecimentos guardados na memória, provavelmente deve ter se perdido entre as inúmeras informações contraditórias que existem sobre o café.Nos últimos 60 anos, foram conduzidos mais de 21 mil trabalhos científicos sobre a cafeína. Em média, a cada dia uma nova pesquisa foi publicada sobre o assunto nesse período. No meio de tanta informação é fácil se perder. Pois nós estamos aqui para apresentar os benefícios relacionados ao consumo desse energético. E garantimos: você não precisa abandonar a bebida. Ela é do bem!

 Pegue uma xícara de café e sente-se. Saiba que a cafeína é uma substância complexa. É fato que ela aumenta a pressão arterial. Porém, também já se sabe que a ingestão regular de café pode reduzir pela metade o risco de morte por deficiência cardíaca. Outra da cafeína: o hábito do cafezinho pode trapacear o diabetes tipo II.

Calma. Não queremos aumentar a confusão. Vamos às instruções para aprender a consumir cafeína e tirar vantagem de seus poderes no trabalho, na academia e para melhorar a saúde de uma forma geral. Continue lendo

Como montar um cardápio

Fonte: http://marketingnacozinha.com.br

Experiências sensoriais desencadeiam no cérebro respostas rápidas. A visão de um suculento hamburger num anúncio na televisão, o cheiro de um doce de chocolate trazem a vontade de comer. Estes são dois exemplos de como podemos explorar a psicologia sensorial para influenciar as decisões de compra do consumidor num restaurante. Além de impactar o cliente pelos aromas e sabores, uma boa casa deve impactar também pelo visual, que vai da decoração ao mais importante…o cardápio!

 Layout

O design é crucial. A melhor opção é por um layout simples e com fontes clean. Só coloque fotos se elas forem mais bonitas que o prato em si, fotos do estilo McDonald’s. Se a foto for amadora, o efeito é contrário, a comida fica com aspecto asqueroso, não dá fome, dá enjôo. Um cardápio de página dupla é sempre a melhor opção para levar o cliente aos melhores pratos. A leitura num cardápio de página simples é vertical, mais fácil de comparar preços. Porém a leitura num cardápio de página dupla é mais complexa, nos obriga a olhar pra vários lugares e com isso podemos colocar os produtos mais rentáveis nas melhores partes. Como o canto superior direito.

Continue lendo

Barlavento

O Barlavento é um espaço alternativo e aconchegante no estilo bistrô, localizado na Rota da Sol, a 15 min do centro de Caxias, ponto de parada obrigatório para quem volta do litoral, deixando o lugar bastante agitado durante os finais de semana. De segunda a sexta-feira torna-se um ambiente tranquilo, ideal para encontros de trabalho, de amigos, e happy-hour, . É tambem uma interessante alternativa para quem recebe visitantes e quer algo diferente das opções tradicionais.

Dicas – O Ovo Perfeito

Sensacional! Está em norueguês, mas dá para entender fácil. Esse programinha calcula o tempo necessário para você fazer um ovo cozido perfeito baseado em quatro fatores: o tamanho do ovo, o ponto desejado (mole, médio ou duro), a temperatura inicial do ovo e a altitude em que você se encontra (que vai determinar o ponto de fervira da água). Após inserir esses dados no computador (e o ovo na panela), aperte “play” para iniciar o timer. Link aqui.

Dicas – Sujinho: um clássico paulistano

O boteco/restaurante Sujinho, na rua da Consolação, é um daqueles lugares tão tradicionais, tão incorporados à paisagem urbana que você às vezes esquece que eles existem. Em minha ultima viagem a Sào Paulo fiquei hospedado na Av. Paulista, quase na Consolação, depois de dois ou três anos sem pisar lá. E encarei a chuva para jantar a gigantesca bisteca de boi com molho acebolado e salada de repolho.
Primeiro, o susto. O nome, cada vez mais, destoa do ambiente. Nascido como um bar frequentado na madrugada por taxistas e prostitutas, o Sujinho foi-se aburguesando até adquirir a forma atual, com um salão renovado, brilhando de limpo (há até um gigantesco painel com uma foto antiga de São Paulo cobrindo a parede do fundo, no pior estilo “boteco chique”).
Depois, o alívio ao perceber que a mudança foi apenas superficial. Alívio acompanhado de uma irritação bem familiar. Os garçons continuam mal-humorados, um tanto rudes, quase estúpidos. A casa ainda não aceita cartões de crédito ou débito, obrigando o cliente desprevenido a sair no temporal para sacar dinheiro (não foi o meu caso, graças a Deus). Se você vai beber cerveja sozinho, a casa não tem isopor ou balde de gelo para impedir que a garrafa de 600 ml fique quente.
Por último, quando chega a comida, o pensamento é “por que não venho mais frequentemente?”. Uma bisteca à la Fred Flintstone custa R$ 23. Dá para dividir facilmente. E é boa, muito boa. Certamente não se trata da carne mais macia do planeta, mas o sabor equilibra perfeitamente o “bifoso” e o “carvônico”.
Ao tomar meu último gole de cerveja não-tão-gelada-assim, me perguntava por que aceito pagar fortunas em vários restaurantes que não são tão bons assim quando o Sujinho sempre está lá para matar, exterminar, aniquilar a fome dos mais famintos por um preço justo.
Sujinho – Rua da Consolação, 2068, São Paulo (mais 3 endereços)

Fonte: Blog O bom garfo / Marcos Nogueira editor da seção Boa Vida da revista VIP

Dicas – Óleo essencial

  


Aquela pizza do delivery vira jantar gourmet se você usar os temperos certos
 
Um bom azeite deixa quase tudo melhor – melhor ao quadrado se você o turbinar com alecrim, pimenta, cogumelos ou qualquer tempero de que você goste. Mas não é só jogar um punhado de dentes de alho e esperar. Existe toda uma técnica, ainda que bem simples. “Para soltar os aromas no azeite, os ingredientes precisam de calor”, diz Isaac Azar, dono do restaurante paulistano Paris 6 e degustador profissional de azeite. “O problema é que o azeite perde muito do aroma quando é aquecido.” A solução é aquecer só um pouquinho com o seu tempero favorito e depois devolver ao vidro cheio de azeite frio. Continue lendo